Entretenimento

Home | Dr. Marco, geriatra da Residenza

Dr. Marco, geriatra da Residenza

Dr Marco Geriatra Residenza

Vou contar, brevemente, um pouco da minha vida. E mais tarde,  entaremos para tomar um cafézinho e você me contará um pouquinho da sua, ok?

Nasci em Goiânia no dia 21 de maio de 1982. Sou o segundo e último filho de uma família muito unida.
Tive a oportunidade de morar em Fortaleza por 2 anos, no início da década de 90. Lembro com saudades dos amigos que fiz e das experiências que tive, aprendi muita coisa nessa época. Principalmente o valor da fé em nossas vidas.

O ano de 2000 foi decisivo. Passei no vestibular para medicina na cidade de Volta Redonda, no interior do Rio de Janeiro. E lá nasceu meu interesse por estudar sobre o envelhecimento. Não aceitava a maneira como algumas pessoas tratavam (ou destratavam) os idosos, pois meus pais sempre me ensinaram a ter respeito e paciência com eles. E, também, foi lá que conheci o amor da minha vida.

Em 2007, na cidade de Porto Alegre, iniciei meus estudos e trabalhos no Instituto de Geriatria e Gerontologia. Fiquei 3 anos aprimorando meus conhecimentos para cuidar cada vez melhor dos meus pacientes. Ensinamentos que não tem preço…

Ao terminar minha formação como geriatra, fui para São Paulo com o objetivo de aprender mais sobre Cuidados Paliativos, uma área fascinante da medicina. É a arte do cuidar! E tenho orgulho de falar que participei da primeira turma do Curso Avançado de Cuidados Paliativos da Casa do Cuidar.

No período em que morei em São Paulo aproveitei para me especializar em Acupuntura, Medicina Tradicional Chinesa. Quando pequeno via meu pai utilizar agulhas para tratar a dor de algumas pessoas. Ele já sabia que a medicina chinesa, através da acupuntura, podia complementar o tratamento da nossa medicina (ocidental) e otimizar o controle da dor e outros sintomas. Um conhecimento milenar na ponta dos dedos…

Mas a saudade bateu forte no peito e em 2012 retornei à Goiânia, minha cidade natal!

Que satisfação poder retornar e colocar em prática tudo aquilo que aprendi todo esse tempo…

No ano seguinte, na cidade de Governador Valadares, interior de Minas Gerais, me casei com a mineirinha que havia conhecido na faculdade.
Percebi, em todos esses anos fora de casa e quando retornei, que uma das coisas mais importantes que temos é a nossa família, nossa história e o legado que construímos.

Pois, no final das contas, o destino de nossas vidas é inexorável mas sempre ficam as lembranças e histórias.

Então, quais são as suas?